~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~. MEU PERFIL~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.

Nome: Nilceu Francisco
Signo: Câncer
Raça: negra

Aniversário:11 de julho
Coisas que adoro: MPB, Rock, dormir, sexo, amigos, boa conversa, piadas, livros, cinema, etc
Coisas das quais não gosto : melancolia; destruição.

~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~. N~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.

~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~. N~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENQUETE *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






ARQUIVOS


- 13/10/2013 a 19/10/2013
- 15/09/2013 a 21/09/2013
- 28/04/2013 a 04/05/2013
- 24/03/2013 a 30/03/2013
- 14/10/2012 a 20/10/2012
- 09/09/2012 a 15/09/2012
- 29/04/2012 a 05/05/2012
- 22/04/2012 a 28/04/2012
- 08/04/2012 a 14/04/2012
- 25/03/2012 a 31/03/2012
- 11/03/2012 a 17/03/2012
- 04/03/2012 a 10/03/2012
- 22/01/2012 a 28/01/2012
- 27/11/2011 a 03/12/2011
- 20/11/2011 a 26/11/2011
- 13/11/2011 a 19/11/2011
- 23/10/2011 a 29/10/2011
- 18/09/2011 a 24/09/2011
- 11/09/2011 a 17/09/2011
- 28/08/2011 a 03/09/2011
- 14/08/2011 a 20/08/2011
- 07/08/2011 a 13/08/2011
- 17/07/2011 a 23/07/2011
- 03/07/2011 a 09/07/2011
- 19/06/2011 a 25/06/2011
- 29/05/2011 a 04/06/2011
- 01/05/2011 a 07/05/2011
- 10/04/2011 a 16/04/2011
- 20/02/2011 a 26/02/2011
- 13/02/2011 a 19/02/2011
- 30/01/2011 a 05/02/2011
- 23/01/2011 a 29/01/2011
- 26/12/2010 a 01/01/2011
- 12/12/2010 a 18/12/2010
- 28/11/2010 a 04/12/2010
- 21/11/2010 a 27/11/2010
- 17/10/2010 a 23/10/2010
- 03/10/2010 a 09/10/2010
- 19/09/2010 a 25/09/2010
- 05/09/2010 a 11/09/2010
- 29/08/2010 a 04/09/2010
- 22/08/2010 a 28/08/2010
- 15/08/2010 a 21/08/2010
- 01/08/2010 a 07/08/2010
- 11/07/2010 a 17/07/2010
- 27/06/2010 a 03/07/2010
- 16/05/2010 a 22/05/2010
- 02/05/2010 a 08/05/2010
- 25/04/2010 a 01/05/2010
- 14/03/2010 a 20/03/2010
- 07/02/2010 a 13/02/2010
- 15/11/2009 a 21/11/2009
- 25/10/2009 a 31/10/2009
- 20/09/2009 a 26/09/2009
- 06/09/2009 a 12/09/2009
- 30/08/2009 a 05/09/2009
- 09/08/2009 a 15/08/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 21/06/2009 a 27/06/2009
- 07/06/2009 a 13/06/2009
- 10/05/2009 a 16/05/2009
- 19/04/2009 a 25/04/2009
- 05/04/2009 a 11/04/2009
- 29/03/2009 a 04/04/2009
- 15/03/2009 a 21/03/2009
- 08/03/2009 a 14/03/2009
- 22/02/2009 a 28/02/2009
- 08/02/2009 a 14/02/2009
- 01/02/2009 a 07/02/2009


LINKS

Outros sites:

Apeoesp
Baixaki
Banco Bradesco
Banco do Brasil
Banco Itaú
Banco Nossa Cxa
Bol
Culinária Record
D.E.Cps Leste
D.E.Cps Oeste
Eptv
Geovisite
Gifs estrelas
Globo
IG
Imposto Renda
JORNAIS
Katrix Níver
Midis Recife
Photobucket
Prefeitura Cps
Secr. Fazenda
Secr. Educação
Terra
Uniblog
Uol
Yahoo
SHOCKWAVE
Jornais Brasil
UAI
Templates-FASC
CPP
Midis Filmes
DETRAN SP
Vale Refeicao


Votação:

Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Pet Shops
Contador GRÁTIS

Créditos



BLOGÃO SERTANEJO

 

Chuá, Chuá

 

SALAS FORROBODÓ FIXE O MOUSE SOBRE O NÚMERO OU LETRA, VEJA O NOME DA SALA, CLIQUE; E BOA NAVEGAÇÃO!

 

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 BIG SALAS : FIXE O MOUSE , VEJA O NOME E CLIQUE!
A B C D
E F G H
I J K L
M N O P
Q R S T
U V W X
Y Z A1 A2
MEUS OUTROS BLOGS: ESCOLHA PELAS INICIAIS
B.S. B.N. L.S. H.P.
O.U. T.C. B.E. C.O.
P.P. M.M. B.A. B.P.
I.A. B.G. P.C. B.A.
R.S. B.A. F.F. B.S.
B.P. P.P S.N. E.C.
F.B. B.B. M.N. E.S.
C.F. B.F. I.C. A.C.
T.C. P.A. S.S. N.F.

Luan Santana reúne brasileiros em seu primeiro show em Londres

13/10/2013

=========

Aconteceu neste sábado (12), o 1º Londres Country Festival, na casa de shows The Forum. A noite teve como atração internacional o cantor sertanejo Luan Santana, que se apresentou pela primeira vez na capital inglesa. Além de Luan, se apresentaram também Wander Mattedi, Júnior Garcia, Thaylon e Wesley Wandir, todos brasileiros, porém com carreira em Londres.

 

 

Os cantores que abriram o show de Luan Santana fizeram covers de músicas sertanejas famosas, como "Lê Lê Lê", de João Neto e Frederico, "Bará Berê", do Michel Teló, "Sinal Disfarçado", de Zé Ricardo e Thiago, "Arrocha", de Thaeme e Thiago e "Gatinha Assanhada", de Gusttavo Lima. Sertanejos mais antigos de Zezé di Camargo e Luciano, Leandro e Leonardo e Chitãozinho e Xororó e até "Whisky a Go Go" do Roupa Nova também animaram a plateia.

 

A atração principal da noite atrasou mais de 1 hora para entrar no palco, o que deixou os fãs bastante ansiosos, como as brasileiras Giovana Cappai e Bruna Benevides, de 21 e 24 anos. "Espero que o show seja bem longo e que ele toque todas as músicas que a gente gosta", disse Bruna. Ambas vivem em Londres e frequentam baladas de música sertaneja na cidade.

 

Antes da apresentação, Luan Santana conversou com a imprensa e contou com exclusividade para o UOL que preparou um show bem animado, no mesmo modelo que os shows no Brasil. "É sempre bom demais tocar no exterior. A galera vem com aquele sentimento de matar a saudade do Brasil, de sentir na nossa música um pouco de casa. Então é sempre bem especial", disse ele.

 

Sobre a iniciativa de um festival de música sertaneja brasileira em Londres, ele também se mostrou bastante feliz com a iniciativa "Acho incrível, principalmente porque tem nomes novos aqui hoje. Para nossa música é muito bom, a música sertaneja está indo cada vez mais longe. Eu nunca imaginei chegar aqui, tocar o coração das pessoas de tão longe".

 

O show do cantor durou cerca de 1h30 e ele cantou seus sucessos mais famosos como "Sogrão Caprichou", "Um Beijo", "As Lembranças vão na Mala", "Amar não é Pecado", "Você de mim não sai", "Tudo o que você quiser", "Química do Amor", "Te esperando", "Incondicional", "Meteoro", "Você não sabe o que é o amor" e "Garotas não merecem chorar".

 

Além disso, o cantor ainda fez um medley com músicas de outro artistas como "Prisioneira", do Bonde do Tigrão, "Eu Quero Tchu, Eu Quero Tcha", de João Lucas e Marcelo, "Camaro Amarelo" de Munhoz e Mariano, "Ela é Top", do Mc Bola, "Ai Se Eu Te Pego", do Michel Teló, "Assim você mata o papai", do Sorriso Maroto, e até mesmo "Não quero dinheiro", do Tim Maia. "Show das Poderosas", da Anitta, também não ficou de fora, e foi cantada pelas backing vocals.  

 

Sempre conversando com a plateia, Luan brincou com uma fã que jogou um sutiã no palco. Durante a brincadeira, outra fã fez questão de jogar mais um, para que o cantor guardasse no bolso.

 

O público era todo brasileiro e dominado por mulheres. Com um grande cartaz para chamar a atenção do cantor estava Gabriela Lot, de 15 anos. Conterrânea de Luan Santana, a adolescente está fazendo intercâmbio em Cambridge e foi para Londres apenas para ver o cantor, do qual é realmente fã. "Eu já fui a seis shows dele, mas essa é a primeira vez fora do Brasil". E os cartazes funcionaram, pois Luan fez questão de ler todos eles durante o show.

 

"Nosso objetivo é sempre fazer com que a galera aceite a nossa música da melhor forma possível.  Estamos lançando um novo DVD agora e eu espero que caia no gosto da galera, assim como os outros", diz Luan. E se a reação do publico for tão positiva como foi na sua primeira apresentação em Londres, o DVD certamente será um sucesso.

 

O próximo show de Luan Santana no Brasil acontece nesta sexta (18), no Credicard Hall, em São Paulo.

 

ES

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Chitãozinho & Xororó fazem show ao lado de Junior Lima e cover de Raul
==========

A dupla Chitãozinho & Xororó sobe ao palco do Wood's Bar (zona oeste de São Paulo), nesta quarta (18), para apresentar o show da turnê do CD e DVD "Do Tamanho do Nosso Amor", gravado na própria casa e com previsão de lançamento para outubro.

Os Dexterz, nome do projeto de Júnior Lima com Amon Lima e Júlio Torres, prometem participação especial com um set interativo e personalizado de house music.

Além de regravações de sucesso como "Evidências" e "No Rancho Fundo", o repertório traz composições inéditas, casos da faixa "E Aí Tempo", de Caco Nogueira, e "Do Tamanho do Nosso Amor", do cantor Sorocaba.

Entre os destaques da apresentação está a participação de Raulzito, cover de Raul Seixas, que canta virtualmente com a dupla a música "Tente Outra Vez", que serviu de insipiração para que os irmãos não desistissem da música.
ES

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






03 de maio - Dia do Sertanejo
=======

 



Depois do período extrativista, o Brasil passou a ser um país essencialmente agrário. Essa situação, porém, inverteu-se principalmente depois do ciclo do café, quando as indústrias começaram a se instalar no Sudeste, formando regiões metropolitanas. Então o êxodo rural se intensificou, e a figura do sertanejo, ou caipira, ganhou traços caricaturais.
Para o habitante da cidade, a pessoa que vive no sertão, é geralmente, rude, inculta e avessa à vida moderna. Essa imagem tomou força com o sertanejo - O jeca Tatu - descrito no conto Urupês, publicado no livro homônimo, de Monteiro Lobato.


O Jeca Tatu e o caboclo do vale do Paraíba, de barba rala, que vive descalço, com os pés cheios de bichos; fuma cigarros de palha e usa chapéu também de palha.
Não tem ânimo para trabalhar, "é o sombrio urupê de pau podre a modorrar silencioso no recesso das grotas [...] funesto parasita da terra [...] inadaptável à civilização".
Essa figura do sertanejo gerou obras no cinema e na literatura, e sua caricatura passou a ser utilizada em anedotas e mesmo nas histórias infantis, como o personagem Chico Bento, criado pelo quadrinista Maurício de Sousa.
 ==
Sertanejo
==
Há alguns anos, porém, esse estereótipo tem sofrido uma inversão de valores. Se, antes, o sertanejo era exatamente a figura descrita por Monteiro Lobato, atualmente a figura do caipira tem sido valorizada. Pode-se observar esse fenômeno no sucesso conseguido pelos cantores de música sertaneja, que cantam as belezas da zona rural e da vida na fazenda (embora os mais modernos tenham deixado de lado os temas da vida na roça, para se dedicar às baladas de amor).


A influência do sertão também pode ser observada no vestuário e nos costumes da juventude.
A recente moda country, importada dos Estados Unidos e adaptada à realidade brasileira, é sensação entre os jovens que freqüentam, em massa, as danceterias especializadas.
Estimuladas por essa moda, ganharam terreno as festas de rodeio, em que cavaleiros medem suas habilidades para conseguir dominar o cavalo ou o boi bravo. Antes restritas às comunidades rurais, as festas de rodeio se modernizaram e atraíram o público da cidade.


Atualmente, a Festa do Peão Boiadeiro de Barretos, em São Paulo, é o maior evento do tipo na América Latina e um dos maiores no mundo.

Fonte: www.paulinas.org.br

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Canção com Jorge e Mateus será a primeira música de trabalho do DVD de Matheus e Kauan
=======


Matheus e Kauan já escolheram a primeira música de trabalho do DVD que gravaram no dia 20 de março, em Goiânia. A dupla optou por lançar a “Mundo paralelo”, canção que tem Jorge e Mateus como convidados e abriu a noite de gravação.

Os irmãos, que sonhavam em gravar com os parceiros de escritório, têm a canção como favorita do repertório. Além disso, eles acreditam que o público vá se identificar com a letra romântica. “Acho que todo mundo já passou por isso. Vai mexer com as pessoas ”, afirmou Matheus.

A canção deve ser lançada na próxima semana. Já o DVD, ainda não tem data para chegar ao mercado. Enquanto isso, Matheus e Kauan divulgam um pouco da gravação através do teaser que foi lançado nesta quarta-feira (27), com cenas do show (confira abaixo).

Em entrevista antes da apresentação no Villa Mix de São Paulo, a dupla contou que se sentiu aliviada após a filmagem e contente com o resultado. “Quando a gente saiu do palco, parece até que tirou um peso. Deu uma sensação de dever cumprido muito boa. A gente estava muito ansioso para esse DVD. Quando acabou, deu uma sensação de alívio”, afirmou Kauan.

Para divulgar o trabalho, a dupla já incluiu sete músicas do DVD nos novos shows, incluindo “Mundo paralelo”, responsável por abrir as apresentações. “Antes a gente cantava muita música dos outros, porque não adianta dupla desconhecida querer cantar dez músicas próprias no show, que o povo vai achar o show chato. Então tem que cantar o que o povo canta. Só que, com essas músicas agora, a gente dá mais uma empolgada para colocá-las no show”, comemora Matheus.


====
Confira o teaser do primeiro DVD de Matheus e Kauan.
====
http://www.youtube.com/watch?v=tmskJ0LNGa0&feature=player_embedded
====

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Fernando e Sorocaba apresentam show inédito no Villa Country, em São Paulo
=======



Fernando e Sorocaba vão dar a largada para uma nova turnê. A estreia será nesta quinta-feira (28), em São Paulo, no show que farão no Villa Country. Apesar das mudanças, a “Tour 2013” não perderá dois pontos altos da apresentação da dupla: a zorb ball (uma bolha gigante) em que Sorocaba entra e passa por cima do público até o palco, e o momento do teletrasporte, que segue intrigando o público.

Como novidades, os cantores apontam uma proximidade maior com o público e um cenário mais modernos, contando com painéis de led em movimento.

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






GUSTTAVO LIMA SEGUE SUAS REFLEXÕES, LAMENTAÇÕES, ARREPENDIMENTOS E DIZ : “Ganhei dinheiro, fama, mas perdi 80% da minha vida pessoal” . Que coisa!
======


Depois de declarar que poderia parar de cantar e que não aguentava mais a correria da profissão, Gusttavo Lima voltou atrás e optou por seguir a carreira nos palcos. Visivelmente abatido, o músico reuniu a imprensa na noite desta quinta-feira (29) para explicar o motivo de seu desabafo no palco na última semana. “Atrás desse corpo tem um ser humano, que está cansado de deixar família para trás, pai, mãe. Às vezes as pessoas pensam que é fácil. Perdi uma irmã recentemente e até hoje sofro com isso. A ficha não caiu”, afirmou ele em uma sala do Credicard Hall, em São Paulo, antes de fazer o seu primeiro show na noite. De lá, o cantor seguiria para o Centro de Tradições Nordestinas, também na capital paulista.

Esse tipo de correria também foi um dos motivos da quase desistência do cantor. “Você olha, está cada dia em um Estado diferente, uma cidade diferente, é muito cansativo”, afirmou.

Durante a coletiva, Gusttavo declarou também que, se ele segue hoje a carreira, é por seus fãs e também por amor ao que faz. “Nunca cantei por fama, por sucesso, por dinheiro. Ganhei dinheiro, fama, mas perdi 80% da minha vida pessoal”, desabafou Gusttavo, que considera um erro ter dito no palco que deixaria de cantar. “Foi um momento de desabafo, de cansaço. Coloquei o pé no palco e não aguentava. Mas fiz um comentário na hora errada. Peço desculpas”, afirmou Gusttavo, que ainda prometeu: “Por respeito aos fãs, com certeza isso não vai acontecer de novo”.

Mesmo considerando um desabafo momentâneo, Gusttavo confessou que já vinha pensando no assunto há algum tempo, tanto que tinha até planos de trabalho, sem abandonar de vez a música. “Quando falei o que falei, já tinha até pensado: vou montar um bar para mim e cantar só no meu barzinho”.

Mudanças na rotina

Gusttavo decidiu, sim, seguir com a carreira, mas algumas mudanças acontecerão daqui para frente. A primeira delas é que, em toda viagem, haverá algum integrante de sua família na equipe de produção. “Quando um irmão, meus pais, viajam comigo, é completamente diferente o astral. Agora sempre terá alguém da minha família me acompanhando”. Por sentir falta de comidas mais caseiras na estrada, a irmã do cantor, será presença constante também nas viagens.

Outra mudança será a longo prazo. Ele, que seguirá a rotina de shows já programados, pensa em diminuir a carga de trabalho em alguns anos. “Quem sabe daqui cinco ou seis anos, dou uma diminuída e faço uns 10 shows por mês”.

Enquanto a agenda de shows não diminui, Gusttavo segue com seus planos de trabalho já programados: dois novos álbuns ainda este ano, sendo um deles em espanhol.

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






100 ANOS DE LUIZ GONZAGA – O REI DO BAIÃO

 

 


CRONOLOGIA DA VIDA DE LUIZ GONZAGA

1912
Dia 13 de dezembro, sexta-feira. Nasce LUIZ GONZAGA DO NASCIMENTO, na Fazenda Caiçara, em Exu, situada junto a Serra do Araripe, Pernambuco. Segundo dos nove filhos do casal Januário José dos Santos, o Mestre Januário, sanfoneiro de 8 baixos afamado na região, e Ana Batista de Jesus, conhecida por Santana.

1920
O filho do Mestre Januário recebe seu primeiro cachê ao tocar substituindo o sanfoneiro em festa tradicional na fazenda: 20$000 (vinte mil réis). Ainda adolescente, torna-se conhecido em boa parte das regiões vizinhas.

1926
Aos treze anos, Luiz Gonzaga compra sua primeira sanfona, na cidade de Ouricuri, graças ao empréstimo concedido pelo coronel Manoel Ayres de Alencar: um 8 Baixos, Koch, marca veado, igual ao do Mestre Januário, ao preço de 120 mil réis. Quando saldou sua dívida, anunciou ao coronel Ayres que não iria mais trabalhar com ele, pois a partir de então, seria sanfoneiro profissional.

1929
Participa de um grupo de escoteiros e conhece Nazarena, por quem se apaixona e com quem namora às escondidas. Rejeitado pelo pai da moça, de família importante, aproveita o dia da feira e vai tirar satisfações da desfeita armado com uma faquinha, após uns goles de cana. Leva uma surra de Santana e foge de casa para o Crato, no Ceará, onde vende sua sanfoninha de 8 baixos.

1930
Luiz Gonzaga aumenta sua idade para sentar praça no Exército, na cidade de Fortaleza. Com o advento da Revolução de 30 segue em missão militar pelo Brasil como soldado Nascimento. Mestre Januário consegue reaver a sanfona vendida no Crato por 80 mil réis, através de um amigo, o Sr. José Lindolfo.

1931
Após o término do tempo legal de serviço militar, o soldado Nascimento escolhe continuar servindo no Exército, instituição que representou o papel de uma grande e importante escola. Nas horas vagas acompanhava, pelos programas de rádio, os sucessos musicais da época.

1933
Por não conhecer a escala musical, é reprovado num concurso para músico numa unidade do exército, em Minas Gerais. Vira tambor-corneteiro e ganha o apelido de “bico de aço”.

1936
Gonzaga aprende a tocar sanfona de 120 baixos em Minas Gerais, com um soldado de polícia chamado Domingos Ambrósio. Para treinar, adquire uma sanfona de 48 baixos e aproveita as folgas da caserna para tocar em festas.

1938
Gonzaga é ludibriado por um caixeiro-viajante, a quem paga 500 mil réis em prestações mensais para adquirir uma sanfona branca, Honner, de 80 baixos. Foge do quartel, em Ouro Fino (MG), para ir buscar a sanfona em São Paulo. Lá chegando, descobre que não vendiam sanfona no endereço que o caixeiro lhe dera. Ao retornar ao hotel onde se hospedara, acaba comprando uma sanfona igualzinha à que tinha ido buscar, pelo valor das prestações que faltavam pagar, 700 mil réis, e que ele havia arrecadado com a venda da sanfona de 48 baixos.

1939
Luiz Gonzaga dá baixa das Forças Armadas, impulsionado por um decreto que proibia para os soldados um engajamento superior a dez anos no Exército. Desembarca no Rio com bilhetes comprados para Recife, de navio, e Exu, de trem. Enquanto aguardava a chegada do navio que o levaria ao Recife, resolve conhecer o Mangue, o bairro boêmio vizinho. E lá, com sua sanfona Honner branca, faz sucesso tocando valsas, tangos, choros, foxtrotes e outros ritmos da época. Através de um músico amigo, o baiano Xavier Pinheiro, casado com uma portuguesa, Gonzaga vai morar no morro de São Carlos, à época tranqüilo reduto português no Rio.

1940
Luiz Gonzaga modifica o seu repertório, pressionado por estudantes cearenses, e consegue tirar nota máxima no programa Calouros em desfile, de Ary Barroso, na Rádio Tupi, executando a música Vira e Mexe, um “xamego” (chorinho) lá do seu pé-de-serra. Pouco tempo depois vai trabalhar com Zé do Norte no programa A hora sertaneja, na Rádio Transmissora. Chega ao Rio seu irmão José Januário Gonzaga, fugindo da seca devastadora e trazendo um pedido de ajuda por parte de Santana. Zé Gonzaga passa a morar com o irmão.

1941
5 de março. Data da primeira participação de Luiz Gonzaga numa gravação da Victor, atuando como sanfoneiro da dupla Genésio Arruda e Januário França, na “cena cômica” A viagem de Genésio. Seu talento chama a atenção de Ernesto Augusto Matos, chefe do setor de vendas da Victor. E no dia 14 de março Luiz Gonzaga grava, assinando pela primeira vez como artista principal, e exclusivo da Victor, quatro músicas que são lançadas em dois 78 rotações. É publicada a primeira reportagem sobre Luiz Gonzaga na revista carioca Vitrine, com o título Luiz Gonzaga, o virtuoso do acordeom. Ainda em 41, Gonzaga grava mais dois 78 rotações. O sucesso havia chegado, e Gonzaga já era chamado como “o maior sanfoneiro do nordeste, e até do Brasil”.

1944
O apelido “Lua”, invenção de Dino 7 Cordas pelo rosto arredondado de Gonzaga, é divulgado pelo radialista Paulo Gracindo na Rádio Nacional.

1945
11 de abril. Luiz Gonzaga grava o 25º disco de sua carreira como sanfoneiro, e o primeiro como cantor, com as músicas Dança Mariquinha, mazurca de sua autoria com letra de Miguel Lima, e Impertinente, polca também de sua autoria, instrumental. Mas a afirmação como intérprete só chega com o 31º disco, lançado em novembro, pelo sucesso estrondoso da mazurca Cortando o pano, uma parceria com Miguel Lima e Jeová Portella. Em 22 de setembro nasce Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior, Gonzaguinha, fruto de um relacionamento com a cantora Odaléia Guedes. Desejoso de encontrar o parceiro certo para expressar sua musicalidade sertaneja, Luiz Gonzaga procura o cearense Lauro Maia. Este apresenta-lhe o cunhado, também cearense, advogado e poeta, Humberto Teixeira. Era o mês de agosto. Esse primeiro encontro rendeu a primeira parceria, No meu pé de serra, xote que só seria gravado em novembro do ano seguinte.

1946
No mês de outubro o conjunto Quatro Ases e um Coringa, da Odeon, acompanhado pela sanfona de Luiz Gonzaga, grava a segunda parceria de Gonzaga e Humberto Teixeira, a música Baião, sucesso em todo país. Depois de receber a visita de Santana, Gonzaga volta à sua terra, Exu, após 16 anos ausente. No retorno para o Rio, passa pela primeira vez no Recife, participando de vários programas de rádio e muitas festas. Nesse momento conhece Sivuca, Nelson Ferreira, Capiba e Zédantas, estudante de medicina, músico por vocação, apaixonado pela cultura nordestina.

1947
Luiz Gonzaga grava em março o 78 rpm que se tornaria um clássico da música brasileira: a toada Asa Branca, sua terceira parceria com Humberto Teixeira, inspirado no repertório de tradição oral nordestino. A partir desse ano, Luiz Gonzaga adota o chapéu de couro semelhante ao usado por Lampião, a quem tinha verdadeira admiração, à sua apresentação artística, – embora a Rádio Nacional ainda não o permitisse apresentar-se ‘como cangaceiro’ nos seus programas – assumindo, ao mesmo tempo em que também plasmava, a identidade nordestina no cenário nacional. Num domingo de julho, Gonzaga conhece na Rádio Nacional, a contadora Helena das Neves Cavalcanti, e a contrata para ser sua secretária. Rapidamente o namoro acontece, e Gonzaga pensa em casar.

1948
No dia 16 de junho Luiz Gonzaga e Helena casam-se no Rio de Janeiro, e passam a morar, juntamente com a mãe de Helena, dona Marieta, no bairro de Cachambi.

1949
Aproveitando uma folga entre as gravações, Luiz Gonzaga leva a esposa e sogra para conhecerem o Araripe, e sua terra Exu. Porém, interrompem a viagem quando estavam no Crato, por causa das desavenças e mortes entre os Sampaio e os Alencar. A grande violência que marcava a disputa entre os clãs rivais ameaçava sua família, ligada aos Alencar. Preocupado, Gonzaga aluga uma casa no Crato, para onde leva seus pais e irmãos, enquanto preparava a mudança de sua família para o Rio de Janeiro, o que ocorreu ainda em 49.

1950
Em janeiro, o médico formando Zédantas chega ao Rio, a fim de prestar residência no Hospital dos Servidores, para alegria de Gonzaga, que vai esperá -lo na plataforma da estação de trem. Nesse ano, Luiz Gonzaga lançou, gravando ou cedendo para outros intérpretes, mais de vinte músicas inéditas, a maioria parcerias com Humberto Teixeira e Zédantas que se tornariam clássicos da MPB. Em junho lança a música A dança da moda, parceria com Zédantas que retratava a febre nacional pelo baião.

1951
Luiz Gonzaga já era o consagrado ‘Rei do Baião’, e o advogado Humberto Teixeira o ‘Doutor do Baião’! Em maio Luiz Gonzaga sofre um grave acidente de carro, junto com seus músicos: João André Gomes, apelidado Catamilho, do zabumba, e Zequinha, do triângulo. Humberto Teixeira candidata-se a Deputado Federal, e recebe o apoio do parceiro. Durante todo o ano de 51 Gonzaga foi convidado permanente da série No Mundo do Baião, produzido por Zédantas, parte das atrações do Departamento de Música Brasileira da Rádio Nacional, cuja direção era de Humberto Teixeira. Gonzaga havia aproximado os dois parceiros, mas essa convivência era difícil e durou pouco tempo. Foi No Mundo do Baião que Luiz Gonzaga coroou, com chapéu de couro, Carmélia Alves como Rainha do Baião. Ela interpretava o baião com acompanhamento de orquestra, e levava a música do Rei para as boates e ambientes da elite. Luiz Gonzaga e Helena adotam uma menina: Rosa Maria.

1952
Outubro de 1952, data do 71º disco da carreira de Gonzaga, o último 78 rpm com Humberto Teixeira, músicas já lançadas em anos anteriores. Hervê Cordovil é apresentado à Gonzaga por Carmélia Alves, e tornam-se parceiros.

1953
Catamilho é afastado por Gonzaga do seu conjunto, e Zequinha o acompanha. Gonzaga contrata Jurai Nunes, o Cacau, para tocar zabumba, e Oswaldo Nunes Pereira, o Xaxado para o triângulo. Mais tarde, por causa de sua baixa estatura, Xaxado seria apelidado de Salário Mínimo.

1954
Luiz Gonzaga conhece Neném, mais tarde Dominguinhos, aos 14 anos, na cidade de Garanhuns. Nesse mesmo ano seu primo, o vaqueiro Raimundo Jacó, é assassinado na região do Araripe.

1955
1955 Luiz Gonzaga apresenta o trio formado por Marinês, Abdias e Chiquinho, que ficou conhecido como Patrulha de Choque Luiz Gonzaga.

1956
Marinês é coroada Rainha do Xaxado na Rádio Mayrink Veiga. A cantora japonesa Keiko Ikuta grava as músicas Baião de Dois e Paraíba.

1960
11 de junho: morre Santana, vitimada pela doença de Chagas, no Rio de Janeiro. 05 de novembro: Januário, aos 71 anos, casa-se com Maria Raimunda de Jesus, 32 anos, no Exu. Gonzaga participa, gratuitamente, da campanha de Jânio Quadros à Presidência da República.

1961
Gonzaguinha vai morar com o pai em Cocotá, Rio de Janeiro. Luiz Gonzaga torna-se maçom, e sofre outro acidente de carro que lhe desfigura o lado direito do rosto, ferindo gravemente o seu olho.

1962
11 de março: morre Zédantas, aos 41 anos. Luiz Gonzaga conhece João Silva.

1963
Luiz Gonzaga teve sua sanfona Universal, preta, roubada. Antenógenes Silva, seu amigo e afinador, lhe empresta uma sanfona branca. A partir de então, adota a cor branca para suas sanfonas, e a inscrição “É do povo” em todos os seus instrumentos. Luiz Gonzaga conhece o poeta cearense Patativa do Assaré.

1964
Gonzaga compra terrenos em Exu, onde irá construir o Parque Aza Branca.

1968
Carlos Imperial, apresentador de programas de rádio e televisão, espalha o boato de que The Beatles gravara a toada Asa Branca. Luiz Gonzaga conhece Edelzuíta Rabelo, advogada, numa festa junina em Caruaru.

1971
A Missa do Vaqueiro é celebrada pela primeira vez, em memória de Raimundo Jacó. Desde então passa a ser anualmente celebrada, tornando-se evento tradicional em Pernambuco.

1972
Gonzaga apresenta o espetáculo Luiz Gonzaga volta para curtir, no Teatro Tereza Rachel, no Rio, produzido por Capinam, para uma platéia formada maciçamente por estudantes. Nesse ano, rompe o contrato de 32 anos com a RCA.

1973
Gonzaga é levado para a EMI-Odeon por Fernando Lobo, onde permanece por dois anos. Recebe o título de Cidadão Paulista, e inicia a reforma dos imóveis que havia comprado na entrada da cidade de Exu.

1975
Luiz Gonzaga reencontra Edelzuíta, o grande amor da fase final de sua vida.

1976
Luiz Gonzaga assina novamente contrato com a RCA Victor.

1978
11 de junho: morre o Mestre Januário.

1979
No mês de outubro morre Humberto Teixeira.

1980
Luiz Gonzaga canta para o Papa João Paulo II na capital cearense. Inicia, em parceria com Gonzaguinha, a turnê do show Vida do Viajante, que percorre várias cidades brasileiras, estendendo-se até o ano seguinte, quando é lançado o álbum duplo da gravação do show, ao vivo.

1982
Luiz Gonzaga viaja para Paris, onde se apresenta na casa de espetáculos Bobino, na noite de 16 de maio, a convite da cantora amazonense Nazaré Pereira. A partir desse ano, Luiz Gonzaga passa a assinar como Gonzagão quase todos os seus disco, forma como havia sido chamado por ocasião de sua turnê com Gonzaguinha.

1984
Gonzaga recebe o primeiro disco de Ouro com o LP Danado de Bom, no qual tinha João Silva por principal parceiro, e que receberia um segundo Disco de Ouro em seguida. João Silva seria seu grande parceiro, a partir de então. Morre Jackson do Pandeiro. Gonzaga recebe o Prêmio Shell.

1985
Gonzaga recebe o prêmio Nipper de Ouro, homenagem internacional da RCA a um artista de seu quadro. Luiz Gonzaga recebe dois discos de ouro para o LP Sanfoneiro Macho.

1986
Luiz Gonzaga participa do festival de música brasileira na França, Couleurs Brésil, evento que inaugura o programa dos anos Brasil-França 86-88. O Rei do Baião apresentou-se na Grande Halle de La Villette no show de encerramento, junto com outros artistas brasileiros, para um público aproximado de 15 mil pessoas. O LP Forró de Cabo a Rabo, deu a Luiz Gonzaga dois discos de ouro e um de platina.

1988
Em junho pede o desquite, separa-se de Helena, e assume o relacionamento com Edelzuíta Rabelo. Neste ano também desliga-se definitivamente da RCA.

1989
Luiz Gonzaga grava pela Copacabana Records seus últimos discos. 21 de junho: é internado no Hospital Santa Joana, no Recife. 02 de agosto: morre Luiz Gonzaga, aos 76 anos de idade.

Fonte: Memorial Luiz Gonzaga

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Justiça de SP decreta prisão do cantor Gian por pensão alimentícia

Ex-mulher diz que artista deve R$ 90 mil para filho adolescente.
Defesa diz que sertanejo vai pagar, mas passa por dificuldades financeiras.

======


A Justiça de Barueri, na Grande São Paulo, decretou nesta semana a prisão do cantor Gian, da dupla sertaneja Gian e Giovani, por falta de pagamento de pensão alimentícia para o filho adolescente que ele tem com a ex-mulher. A decisão judicial determina que Aparecido dos Reis Morais, o Gian, fique preso por 30 dias pelo descumprimento.

A autônoma Maria Cláudia de Medeiros Alonso, que foi casada com o artista, cobra cerca de R$ 90 mil dele. O valor é equivalente a aproximadamente R$ 10 mil mensais, que deveriam ter sido pagos desde dezembro.

A defesa do sertanejo afirmou ao G1 que Gian ainda não havia quitado a dívida porque passa por dificuldades financeiras, mas que irá saldá-la até a tarde desta quinta-feira (6) para que o mandado de prisão contra ele seja revogado. Segundo o seu advogado, Aparecido Hernani Ferreira, o paradeiro do cantor não será revelado por questões de segurança e que ele não iria falar com a reportagem.

“Meu cliente não tem renda mensal e ela varia da quantidade de shows que ele faz. Ele está passando por dificuldades financeiras. Ele está lutando para sobreviver como as outras duplas sertanejas”, disse o advogado Hernani Ferreira.

“O que ele pode pagar ao filho de 14 anos são R$ 3 mil mensais e não R$ 10 mil como a ex-mulher dele quer. Quero deixar claro que ele tem pagado a pensão para o filho, mas com aquilo que ele pode, que varia entre R$ 1 mil a R$ 3 mil”.

Até as 13h20 desta quinta-feira (6) o mandado de prisão contra Gian não constava no sistema da Polícia Civil, o que significa que ele ainda não poderia ser preso. Apesar disso, o advogado de Maria Cláudia, Azis José Elias Filho, afirmou à equipe de reportagem que irá nesta tarde a Vara Cível do Fórum de Barueri para pegar o documento e entregá-lo numa delegacia da cidade para que a decisão seja cumprida.

“Minha cliente entrou com uma ação de execução de alimentos onde a ex-mulher e seu filho estão pedindo o pagamento de pensão atrasada. A situação é de um pai que deve pensão ao filho e não honrou o compromisso. Pela lei, o processo tem duas alternativas: ou se cumpre ou é determinada a prisão. Como o pagamento não foi feito, a Justiça decretou a prisão”, disse o advogado Azis Elias Filho.

Atualmente Gian tem outra mulher, uma ex-dançarina de um programa de auditório, com quem tem um filho. “O Gian só tem um imóvel onde mora com a família. E está pagando uma prestação nessa casa em Alphaville, em Barueri. Mas quero dizer que onde ele mora não é um casarão, é mais uma daquelas casinhas do fundão de Alphaville, que vale R$ 200 mil.”

A assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de SP (TJ-SP) informou que não poderia dar informações sobre o processo que a ex-mulher de Gian move contra ele porque a ação está sob segredo.

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Vai com Deus, amigo Tinoco, grande brasileiro

Tinoco morreu hoje 04-05-2012

Fiquei sabendo da triste notícia logo cedo quando minha filha Mariana Kotscho, também jornalista, me enviou esta mensagem:

"Estou triste. Morreu meu amigo Tinoco. Sim, posso dizer que era meu amigo. Aprendi a admirar as músicas de Tonico e Tinoco na infância graças ao meu pai, fã de música caipira. Sou feliz por tê-lo conhecido, entrevistado algumas vezes, me tornado amiga. Grande figura. Fico feliz por ter ajudado que ele fosse homenageado, ainda em vida, naquele show do Roberto Carlos com os cantores sertanejos. Tchau, meu amigo Tinoco. E parabéns por sua trajetória nesta vida. Beijos, Mariana Kotscho".

José Perez, o Tinoco, 91 anos e mais de 75 de carreira,viajou para o céu na madrugada desta sexta-feira, 4 de maio de 2012. Morreu num hospital público, na Mooca, onde morava, depois de sobreviver com muitas dificuldades nos últimos tempos.

É sempre difícil escrever sobre a morte de um amigo querido, ainda mais de uma figura desta grandeza, um dos maiores nomes da cultura popular brasileira em todos os tempos.

Durante seis décadas, ele formou com o irmão José Salvador Perez, morto em 1994, a dupla Tonico e Tinoco, a mais longeva e prolífica dupla da nossa música.

Quando eles completaram 50 anos cantando juntos, tive a oportunidade de entrevistá-los pela primeira vez, mas tive que pedir ajuda a um outro amigo, Octavio Frias de Oliveira, o dono do jornal, para cavar um espaço na "Folha Ilustrada". Os jovens editores da época não gostavam muito deste negócio de "música caipira".

Já sem Tonico, Mariana entrevistou Tinoco para o programa Almanaque, da "Globo News", e assim nossas famílias acabaram ficando amigas.

Reeencontrei Tinoco em Piracicaba, no interior paulista, onde ele iria cantar sozinho num sábado à noite e passamos o dia conversando. "Tinoco sem Tonico _ sozinho na estrada e nos palcos canta para viver, aos 88 anos", foi o título da reportagem publicada pela revista "Brasileiros", em setembro de 2009.

Naquela época, a situação do cidadão José Perez já era bem delicada. Com a mulher, a inseparável dona Nadir, no hospital, recém-operada de câncer no pâncreas, ele vivia dos seguintes rendimentos:

* Aposentadoria de R$ 1 mil por mês no INSS.

* Cerca de R$ 2 mil de direitos autorais, pagos a cada três meses, pelas suas mais de 1.200 composições em parceria com Tonico, gravadas pela dupla e por outros cantores, em milhões de discos (nem ele mesmo sabe quantos foram vendidos).

* Um cachê de R$ 2.500 brutos por show para se apresentar nos sorteios semanais da Loteria Estadual Paulista (despesas de viagem por conta dele). Pouco tempo depois, esta loteria acabou e ele perdeu parte do seu ganha-pão.

* Um ou outro show em festas de casamento ou batizado, casas de fazenda ou eventos no interior, onde não tinha cachê fixo, ganhava o que podiam lhe pagar.

Em busca de trabalho, viajava pelo interior paulista com seu único filho, José Carlos, que acumulava as funções de motorista, empresário e operador de som. Quando a situação apertou, tiveram que passar uma rifa para sortear o único bem deles, um Gol 1998.

Tinoco é homenageado por Roberto Carlos / Foto: Luciano Trevisan

A última vez que nos encontramos foi em março de 2010, quando Tinoco foi homenageado por Roberto Carlos no show de que Mariana fala na abertura deste texto. Foi por indicação nossa ao amigo Luis  Erlanger, da TV Globo, que falou com Dodi Serena, empresário do "rei", que convidaram Tinoco a subir ao palco do ginásio do Ibirapuera naquela noite, ao lado de outros ídolos sertanejos.

Há tempos ele não se apresentava para uma platéia tão grande, diante do ginásio lotado. Escrevi aqui no Balaio no dia seguinte:

"Aclamado pelo público, Tinoco não largou mais o microfone e desandou a falar, contando histórias da sua vida, como se estivessse no picadeiro de um cirquinho do interior no início da carreira. Fez o público rir e chorar ao brincar com sua idade um pouco avançada, certamente fazendo o emocionado Roberto Carlos se sentir um garoto ao lado dele.

Com seu forte sotaque caipira, mandou ver: "Depois de velho, quando se vai fazer um show, a gente fala mais do que canta... Roberto, você poderia ser meu filho... Conheço este aqui desde criancinha... Eu dei de mamar para ele... Só na mamadeira... A minha cabeça está boa, mas o corpo já não acompanha... A gente não pode fazer tudo o que quer, só o que pode... O mais importante é o valor humano, é nunca perder a fé.... Estou falando muito, Roberto? Será que já tem alguém com sono por aqui?"

Quase uma da manhã de quinta, quando o espetáculo já estava terminando, Tinoco saiu do palco feliz, caminhando tão lentamente como quando entrou, levando nas mãos a placa que recebeu de Roberto Carlos, Chitãozinho e Xororó, em homenagem à sua longa carreira, que abriu o caminho para outras duplas e cantores sertanejos que se apresentaram nesta noite inesquecível".

O show era beneficente e boa parte da renda foi doada por Roberto Carlos a Tinoco.

Vai com Deus, amigo Tinoco, grande brasileiro. E leva um abraço ao Tonico.

R7

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Pedro tem parada cardíaca de seis minutos; estado do cantor continua grave

Do UOL

O cantor Pedro, filho do sertanejo Leonardo, teve uma parada cardíaca durante a madrugada desta segunda-feira (23), que teria durado seis minutos, segundo informações dadas pela assessoria do cantor. A situação, porém, foi revertida e, por volta das 6h30 desta segunda feira, ele apresentava quadro estável grave.

Os médicos do IOG, Instituto de Ortopedia de Goiânia, onde o cantor está internado, falaram com a imprensa na manhã desta segunda-feira (23) e disseram que o estado de saúde de Pedro "é grave e inspira cuidados". No momento, ele está com uma febre alta, de 40º C, e está sobre um colchão de gelo para tentar abaixar a temperatura. Ainda segundo a equipe médica, o cérebro do cantor está muito inchado por conta das lesões decorrentes do acidente.

Transferência para São Paulo


Foi solicitada a transferência de Pedro para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, porém, a coordenadora da UTI do Sírio Libanês, Ludmila Hajjar, informou que não é possível transferir o cantor no estado em que ele se encontra. Segundo a médica, são necessárias entre oito e dez horas para que o quadro de saúde do cantor se estabilize e ele possa ser transportado com segurança.

Uma aeronave UTI já está no aeroporto Santa Genoveva de plantão caso seja possível a remoção do cantor para a Capital Paulista. O pai, o também cantor Leonardo, só deve vir ao IOG, no início da tarde.

De acordo com as informações da assessoria de imprensa da família, a mãe Maria Aparecida Dantas, está no hospital acompanhada de outros parentes.

No último domingo, a assessoria de imprensa da Talismã, produtora musical da dupla que Pedro forma com Thiago, confirmou ao UOL que o rapaz apresentou uma "piora clínica" no edema cerebral e permaneceu em coma induzido. Ele também teve uma disritmia cardíaca e a família do cantor estuda a possibilidade de transferi-lo para um hospital em São Paulo.

Ele ainda apresenta trauma ortopédico, abdominal, pulmonar e do crânio. Ainda não há previsão de quando ele deve sair do coma induzido.

Pelo Twitter, Carlinhos da Silva, que ficou amigo de Pedro no reality show "A Fazenda", pediu orações para o cantor: "Vamos orar muito pela recuperação do meu irmão. Homem de Deus e família", escreveu o humorista no microblog.

Acidente
Pedro, da dupla Pedro e Thiago, sofreu um acidente de carro na madrugada desta sexta-feira (20) na rodovia MGC-452, no município de Tupaciguara (MG), próximo à divisa de Minas Gerais com Goiás. O jovem de 24 anos estava sozinho no carro quando, por volta das 6h55, sofreu o acidente na estrada MG-452, na altura da cidade de Araporã, que fica na divisa de Goiás com Minas Gerais.

De acordo com o médico Ernani de Oliveira Rodrigues, do Hospital Municipal Modesto de Carvalho, em Itumbiara (GO), Pedro chegou ao local sedado, por volta das 8h40. Ele passou por uma tomografia e depois por uma cirurgia na região do baço.

Em 2009, o cantor participou do reality show "A Fazenda", da Record, e foi eliminado na última semana do programa. Pedro é pai de Maria Sophia, nascida em maio do ano passado. A menina é a primeira neta do cantor Leonardo.

(*Com informações de Rafhael Borges, em Goiânia (GO))

UOL

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Cantor Luciano é internado em Londrina


O cantor Luciano, que faz dupla com o irmão Zezé Di Camargo, está internado em observação no Hospital do Coração de Londrina (PR).

Ele está em observação no pronto-socorro da unidade. A assessoria de imprensa do hospital assegurou que o estado do cantor “não é grave” mas se recusou a passar mais informações por “não estar autorizada”.

A dupla é a principal atração da noite na ExpoLondrina. O show está marcado para as 22h00  e ainda não foi cancelado.

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Marciano faz homenagem ao João Mineiro

“Você sempre vai fazer parte da minha vida”, diz Marciano em homenagem a João Mineiro



O cantor Marciano publicou, nesta segunda-feira, um vídeo com uma mensagem em homenagem a João Mineiro, falecido no último sábado (24).

Como é de conhecimento de todos, os dois se desentenderam na época da separação da dupla, no início dos anos 1990, e alguns assuntos foram parar na justiça.

Colocando as diferenças de lado neste momento, Marciano escreveu:

___

“JOÃO MINEIRO…meu ex parceiro…
Que DEUS o tenha em PAZ!

Tudo que conquistei foi ao seu lado… todo o respeito do Brasil inteiro nós conseguimos JUNTOS…

O seu legado, sua história… nunca se apagarão!

Você sempre vai fazer parte da minha vida.

SEREI ETERNAMENTE GRATO…

Vai com DEUS, João… é assim que eu o chamava… descanse em paz!

MARCIANO”

O vídeo abaixo traz fotos de João Mineiro e Marciano ao som de “Romaria”, canção que eles também gravaram.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=c6jC3Pguil4

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Morre João Mineiro

 

O domingo começa triste, muito triste para a música sertaneja.

Faleceu, na noite de sábado (24), João Mineiro, na cidade de Jundiaí. O cantor tinha 76 anos, e morreu por complicações após uma cirurgia. João estava com insuficiência cardíaca e tinha diabetes.

Desde 1993, João Mineiro cantava ao lado de Mariano, com quem se uniu após se separar do Marciano.

Com a morte dele, vai-se o sonho de tanta gente em ver novamente João Mineiro e Marciano juntos.

Por conta de diversos desentendimentos, inclusive problemas que foram parar na justiça, o retorno nunca chegou perto de acontecer, apesar de boas propostas financeiras terem sido feitas com essa intenção.

A força que o nome dele tem é tão forte que faz 20 anos que a dupla se separou, mas as manifestações de pesar são como se falássemos de um cantor que largou o parceiro outro dia.

Pra quem era fã e teve João Mineiro e Marciano fazendo parte de sua criação musical, dá aquela tristeza ao saber que a dupla poderia ter ido muito além, mesmo tendo sido gigante.

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Após 10 dias de internação, Sérgio Reis tem alta de hospital


Após permanecer 10 dias internado, o cantor Sérgio Reis recebeu alta do Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, nesta quarta-feira (14). O médico responsável pelo cantor, Anselmo Dornas Moura, afirmou por meio de boletim que após ter sentido dor intensa durante período em que ficou no hospital, o músico já está melhor, podendo manter o tratamento fora do ambiente hospitalar.

Sérgio Reis foi orientado a manter o tratamento com fisioterapia respiratória e analgésicos. Ele, no entanto, ainda precisa de atenção médica, devendo ser reavaliado na próxima semana para que seja estimado o tempo que deverá ser afastado de suas atividades.

Relembre o acidente
Sérgio Reis foi internado no dia 4 de março após sofrer uma queda de cerca de dois metros durante um show em Três Marias, interior de Minas Gerais. O paulistano fraturou duas costelas e contundiu o ombro.

Em entrevista ao "Hoje em Dia", na Record, o cantor Sérgio Reis disse que não teve
uma perda súbita de consciência, como apontaram os médicos do Hospital Mater Dei. "Não tive síncope. Apenas errei o passo", disse ele por telefone ao programa.

Paulo Bavini, filho e produtor de Sérgio, afirmou
  que os médicos não teriam como afirmar que o cantor teve uma síncope, pois não estavam no local e só teriam tido contato com ele "mais de 5 horas após o ocorrido". Segundo Bavini, o pai caiu porque, "no escuro e por causa dos refletores em seus olhos, não viu onde acabava o palco".

Sérgio Reis começou a carreira artística na década de 1960, na Jovem Guarda. Em 1972 gravou seu primeiro álbum de música sertaneja, e desde então ficou conhecido por interpretar os sucessos "Menino da Porteira", "Panela Velha" e "Pinga Ni Mim". Ele também seguiu carreira como ator, tendo trabalhado nas novelas "Pantanal" (1990) e "O Rei do Gado" (1996), entre outras, além de protagonizar o filme "O Menino da Porteira", de 1976.

UOL

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Perda súbita de consciência provocou acidente de Sérgio Reis

Uma síncope, perda súbita de consciência, provocou o acidente de Sérgio Reis, informou o médico Anselmo Dornas Moura, do hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, aos jornalistas na tarde deste domingo (4). Sérgio Reis foi internado na manhã deste domingo após sofrer uma queda durante um show na cidade de Três Marias, também em Minas Gerais, na noite de sábado (3).

À equipe médica, o cantor narrou que sentiu a visão escurecer durante o show que realizava em Três Marias (MG) e despencou do palco, de cerca de dois metros de altura. Com a queda, o cantor fraturou o ombro e duas costelas.

Apesar de estar consciente e respirando sem ajuda de aparelhos, Sérgio continua em observação no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do hospital. Ele ainda vai passar por uma bateria de exames para descobrir o que causou a síncope. O hospital afirmou que o paciente pode ter alta do CTI nesta segunda-feira (5).


"Não pisei em nada e fui para baixo", conta Sérgio Reis após acidente em MG


Em entrevista ao “Fantástico” deste domingo (4), Sérgio contou como foi a queda que sofreu durante o show. “Não pisei em nada e fui para baixo. Foi um sacão de batata caindo”, contou Sérgio, que está internado no hospital Mater Dei, em Belo Horizonte.

Na cama da unidade, Sérgio afirmou ao jornalístico que vai aproveitar o tempo que precisará ficar em repouso para selecionar músicas para seu próximo CD. “Vou aproveitar esse período para o meu CD novo. Mandem músicas para o Serjão. Podem mandar”, brincou.

 

LEIA O BOLETIM NA ÍNTEGRA:

O cantor e compositor Sérgio Reis sentiu-se mal na madrugada de hoje, dia 4/3/12, durante um show que realizava na cidade mineira de Três Marias. Sérgio Reis apresentou uma síncope (perda súbita e rápida da consciência) e caiu de uma altura de aproximadamente dois metros. Ele foi atendido inicialmente na cidade de Três Marias e em seguida foi transferido ao Hospital Mater Dei, registrando entrada no Pronto-socorro por volta das 7h30, e posteriormente sendo transferido para a Unidade de Terapia Intensiva às 9 horas.
 
Na admissão, o cantor e compositor se apresentava consciente e movimentando os quatro membros. Exames realizados durante a admissão demonstram tomografia computadorizada de crânio normal e raio X de tórax com fraturas de dois arcos costais no ombro direito. Sérgio Reis se encontra consciente, respirando de forma espontânea sem ajuda de aparelhos. Seu estado de saúde é estável, mas inspira observações cuidadosas.
 
Está sendo realizada uma série de exames para tentar identificar a causa do mal súbito que culminou com a queda do paciente. Há possibilidades de alta da Unidade de Terapia Intensiva amanhã, dia 5/3/12.
 

Responsável:
Anselmo Dornas Moura
Coordenador da equipe de CTI
CRM-MG: 21499

Editor/Autor Nilceu


Haloscan:

Zip Net: []

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ENVIE SUA MENSAGEM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*